Arm lança processador 64 bit com processamento em tempo real. A Arm divulgou o desenvolvimento do seu primeiro processador de 64 bits da série Cortex-R. A versão 82 é o mais novo integrante da linha, e sua grande diferença é o suporte ao sistema Linux, que aumenta as chances de usar o chip do mercado.

Descobertas de vulnerabilidades críticas em dispositivos com processadores Snapdragon

Os chipsets da série Cortex-R são focados para o uso em processamentos em tempo real. Se tratam de softwares básicos, com poucos recursos. No entanto, que tem um tempo de resposta instantâneo, se ativados. Um exemplo são aparelhos hospitalares, alarmes, sensores e demais dispositivos com tarefas básicas, embora precisas.

Arm lança processador 64 bit com processamento em tempo real

Conforme a Arm, a nova versão possui um poder de processamento até duas vezes mais rápido que os processadores modernos da série Cortex-R. A diferença acontece principalmente na discrepância no desenvolvimento da arquitetura deste processador, ao comparar com a geração anterior.

Arm lança processador 64 bit com processamento em tempo real
Arm lança processador 64 bit com processamento em tempo real – Foto: Reprodução/OlharDigital

Os chips de 64 bits tem grandes benefícios ao comparar com os desenvolvidos através da arquitetura de 32 bits. Além do benefício principal do maior poder de processamento de pacotes por segundo, a versão mais avança torna possível a utilização de memória RAM de até 128 GB em um aparelho, enquanto seus anteriores alcançam 4 GB máximos.

As novidades no Cortex-R82, no entanto, não são apenas essas. O novo chip ainda tem especificação de ser “flexível” quanto suas variações de utilização prática. Isso indica que cada um de seus núcleos pode ser configurado com recursos distintos. Por exemplo, mudando entre o uso de aplicações em tempo real e outro tipos de tarefas mais complexas.

Conforme a Arm, 85% dos compradores da série Cortex-R estão na área de armazenamento computacional. A entrada de um novo chipset com uma arquitetura em 64 bits e suporte para Linux torna as chances de novidades nesta área da tecnologia ainda maiores, seja por ter mais chances de utilização de RAM no trabalho, ou mesmo pela versalidade do chip.

A flexibilidade do Cortex-R82 deve transformar seu mercado ainda mais amplo. É aguardado que ele tenha grande peso também entre sistemas de segurança, lojas e até mesmo aeroportos.

Arm lança processador 64 bit com processamento em tempo real. O que você achou da novidade? Deixe seu comentário. Além disso, não se esqueça de entrar no nosso grupo do Telegram. É só clicar no botão “Canal do Telegram” no topo direito da página.