Claro possivelmente irá lançar TV via streaming dentro das próximas semanas. A Anatel afirmou que a televisão por assinatura pela internet não pode ser regulamentada pela agência. Por isso, já existe uma ação de alterações no setor. No momento, a Claro está se preparando para publicar sua ferramenta de streaming de canais pagos nas próximas semanas. O serviço deve ser rival da modalidade clássica de TV por assinatura, além de apps das próprias emissoras.

Sony fechará fábrica de TVs, áudio e câmeras no Brasil

Além disso, o CEO da Claro, José Félix, disse anteontem (15) durante o Painel Telebrasil que teve alta na pesquisa por entretenimento e mais velozes de internet na pandemia, e disse: “iremos lançar em questão de semanas ou um pouquinho mais uma série de pacotes alternativos para os clientes que não têm acesso à televisão oferecida pela Claro”. Em agosto, o executivo disse que o serviço terá um valor menor que a televisão por assinatura clássica.

Claro possivelmente irá lançar TV via streaming com futebol, Telecine, HBO etc

Em julho deste ano, foi revelado o Claro Streaming Box, que dá acesso a emissoras de televisão aberta, canais de esporte e conteúdo do Telecine, HBO, Fox Premium, Paramount+, Looke, Philos, Premiere e Combate, além de app da Netflix.

O serviço mencionado é ligado a uma TV Box, que se conecta na rede por meio do Wi-Fi ou cabo de internet. Além disso, a instalação é realizada pelo próprio usuário. Dessa forma, a operadora deve evitar gastos com mão-de-obra de técnicos e cabos coaxiais.

Ainda não foram compartilhados dados como valores, planos e programação. No entanto, o manual indica que a TV Box será oferecida de forma gratuita em comodato. Ou seja, deve ser devolvida caso a assinatura seja cancelada. A cartilha também diz que o item é ideal para quem não tem interesse em TV a cabo, e que a experiência “completa” permanece disponível nos pacotes clássicos da NET.

Claro evita gastos com impostos com TV por streaming

A mudança para a TV pela internet pode ter muitos benefícios para a Claro. Uma vez que o streaming é visto como um Serviço de Valor Agregado (SVA), a companhia não precisará pagar um conjunto de impostos que dizem respeito a TV por assinatura clássica (SeAC), como ICMS, FUST, Funttel e Condecine, gastando somente com o ISS.

Em contrapartida, a companhia terá rivais, isso porque a ação está sendo estudada por programadoras e operadoras como a Oi. Há pouco tempo, a Globo divulgou o Globoplay + canais ao vivo, com acesso ao streaming da companhia mais os canais da Globosat, como SporTV, GNT, Multishow e Viva. A emissora também vende o Premiere e Combate pela rede.

Claro possivelmente irá lançar TV via streaming dentro das próximas semanas. O que você achou da novidade? Deixe seu comentário. Além disso, não se esqueça de entrar no nosso grupo do Telegram. É só clicar no botão “Canal do Telegram” no topo direito da página.