Teclados mecânicos têm se tornado cada vez mais populares, ainda que continuem sendo os preferidos da comunidade gamer. A maior precisão nos comandos e menor tempo de resposta em relação aos de membrana são alguns dos motivos que explicam a preferência destes produtos dentro do mercado.

Mas afinal, o que é um teclado mecânico? Por que eles possuem essas vantagens em relação ao de membrana? Quais são suas desvantagens?

Essas e outras perguntas relacionadas ao teclado mecânico serão respondidas neste artigo.

Teclado mecânico x Teclado de membrana

Os teclados de membrana ainda são os mais utilizados. Eles são facilmente encontrados nos escritórios e bibliotecas, pois é o modelo que oferece um desempenho aceitável por um preço acessível.

Teclados de membrana são mais acessíveis devido ao baixo preço – Foto: Google

O nome “membrana” deve-se a forma como as suas teclas são acionadas. Uma membrana de silicone, normalmente possui três camadas, é estendida por debaixo de todas as teclas. Quando uma tecla é apertada, o contato entre as camadas produz um sinal que é entendido como um determinado comando para o computador.

Os teclados mecânicos são normalmente usados pelos gamers, no entanto sua utilização entre os usuários comuns é cada vez maior. Esse modelo possui um mecanismo independente para cada tecla, já que cada uma delas retém um switch, que é composto por uma mola e um interruptor próprio.

Essa autonomia em relação as outras teclas possibilita um melhor feedback e mais durabilidade. No entanto, os teclados mecânicos são muito mais caros que os de membrana.

Os tipos de Switch

Os teclados mecânicos variam de acordo com o tipo de switch utilizado nas teclas. Eles podem variar na quantidade de ruído e na resistência ao toque. Existem várias fabricantes no mercado, porém vamos levar em consideração a fabricante Cherry MX, que é referência no mercado, para diferenciar o desempenho de cada Switch.

  • Cherry MX Black: Produzido em 1984, esse modelo possui toque linear e nenhum clique sonoro; É mais duro, portanto exige mais esforço para pressionar cada tecla;
  • Cherry MX Red: Também produzido em 1984. Apenas se diferencia do Black na sua leveza, exigindo menos força para pressionar as teclas;
  • Cherry MX Brown: Produzido em 1994. Apresentou o toque tátil. Indicado tanto para jogos, quanto digitar;
  • Cherry MX Blue: Foi apresentado em 2007. Seu principal diferencial foi a adição do clique auditivo, lembrando uma máquina de escrever;
  • Cherry MX Green: Muito parecido com o Blue. Diferencia-se por ser mais resistente ao toque.

Qual o tipo ideal de teclado?

Após entender as qualidades de cada modelo, a escolha parece óbvia. Os teclados mecânicos respondem mais rápido e possuem maior precisão. No entanto, o alto preço em relação aos de membrana dificultam o acesso ao modelo. Caso você precise apenas de algo simples e não deseja gastar muito, o teclado de membrana é a escolha certa. Agora, se você quer um produto que seja preciso, durável e com experiências de digitações diferentes, o teclado mecânico é a sua escolha.

LEIA MAIS:

O que acontecerá com meu PC com o fim do suporte ao Windows 7?

Skype dobra número de usuários permitidos em chamadas em grupo