Microsoft Edge vence o Google Chrome em teste de velocidade. A Microsoft publicou no começo deste ano o seu novo modelo do browser Edge, agora inspirado no projeto Chromium de código aberto. Além disso, ela retirou muitos itens utilizados pelo Google, e provavelmente isso tenha auxiliado no desempenho. O navegador é mais veloz que o Chrome em muitos testes de velocidade.

Microsoft Edge encerrará suporte ao Flash Player em 2021

Microsoft Edge vence o Google Chrome em teste de velocidade

O AnandTech fez muitos benchmarks no Google Chrome, Mozilla Firefox, Opera, Internet Explorer e Edge no modelo novo (Chromium) e clássico (EdgeHTML). Além disso, em todos os testes, o browser da Microsoft conseguiu ficar na frente do Chrome e do Opera, que utilizam a mesma engine de renderização e de JavaScript (Blink e V8).

No WebXPRT, que simula tarefas reais em HTML5 e JavaScript, o Firefox fica em primeiro lugar de forma disparada. O Edge Chromium vem em segundo lugar, enquanto o Chrome permanece em penúltimo, ganhando somente do Internet Explorer.

Microsoft Edge vence o Google Chrome em teste de velocidade
Microsoft Edge vence o Google Chrome em teste de velocidade – Foto: Reprodução/Tecnoblog

No JetStream 2, o Edge Chromium ganhou o primeiro lugar, seguido de forma distante pelo Chrome e Opera, com o Firefox em último. No entanto, o Edge antigo e IE não conseguiram carregar a página. O benchmark possui 64 testes com foco em JavaScript e Web Assembly.

Quanto ao Speedmeter 2.0, a mesma coisa acontece. O browser da Microsoft fica na liderança em desempenho, enquanto o Chrome e Opera seguem atrás dele. O teste foi desenvolvido pelo time do Apple WebKit e analisa a responsividade do browser ao concluir tarefas em JavaScript.

Microsoft Edge vence o Google Chrome em teste de velocidade
Microsoft Edge vence o Google Chrome em teste de velocidade – Foto: Reprodução/Tecnoblog

Já no Kraken 1.1, desenvolvido pela Mozilla, o Firefox fica na liderança. Logo em seguida fica o Edge Chromium, Chrome e Opera. O AnandTech também realizou os testes do Octane e SunSpider nos browsers. No entanto, esses benchmarks não são atualizados já faz um tempo, então os resultados não condizem exatamente com o desempenho real.

Edge fica na frente do Chrome em teste de bateria

O Edge Chromium também ficou em primeiro lugar no que se trata de duração de bateria, mesmo que por pouco. Foram 529 minutos enquanto o Chrome teve 512 minutos. Neste teste, ambos os navegadores realizaram tarefas pesadas de maneira contínua até o computador desligar.

O Edge antigo foi o vencedor, ficando 614 minutos na bateria. No entanto, como indica o AnandTech, isso não faz diferença se as páginas carregam com complicações. O Firefox ficou com o último lugar, enquanto o IE não obteve testes. Todos os benchmarks foram feitos em um Surface Laptop 3 com Windows 10 e Intel Core i7-1065G7 de 10º geração.

Microsoft Edge vence o Google Chrome em teste de velocidade
Microsoft Edge vence o Google Chrome em teste de velocidade – Foto: Reprodução/Tecnoblog

Por que existe essa divergência no desempenho do Edge e do Chrome? Há certo sentido que a Microsoft esteja melhorando o seu próprio browser para trabalhar melhor em seu próprio sistema operacional.

Além disso, é essencial destacar que a companhia alterou o Chromium para remover diversos itens do Google com relação ao Chrome OS, Maps, Drive, Google Pay, etc; veja a lista a seguir. Há suposições que isso melhore o desempenho do Edge.

melhor desempenho no Edge
Microsoft Edge vence o Google Chrome em teste de velocidade – Foto: Reprodução/Tecnoblog

Microsoft Edge vence o Google Chrome em testes. O que você achou disso? Deixe seu comentário. Além disso, não se esqueça de entrar no nosso grupo do Telegram. É só clicar no botão “Canal do Telegram” no topo direito da página.