Um vírus de computador não é muito diferente de um vírus da vida real como a gripe. Dessa forma, quando contraídos, ambos podem permanecer inativos no sistema apenas para se tornarem ativos quando você menos espera. Se você detectar a ameaça cedo e tomar as medidas adequadas a tempo, poderá manter os sintomas sob controle e se recuperar muito rapidamente. Se não forem tratados, os vírus não só podem se espalhar para outras pessoas, mas também podem causar estragos na saúde e no bem-estar de seu hospedeiro.

Veja também o que são Adwares!

O que é um vírus de computador?

Vírus de computador: veja os principais tipos! - Foto: Reprodução/ TT
Vírus de computador: veja os principais tipos! – Foto: Reprodução/ TT

Um vírus de computador é um código ou software malicioso executável que se auto-replica ao assumir o controle de outros programas em um PC infectado.  Projetado para se espalhar de um PC host para outro, um vírus de computador se agarra a um software ou documento e permanece lá até que o usuário abra o arquivo em questão. Portanto, quando isso acontecer, o vírus começará a executar seu código e causará danos ao PC host.

Existem várias maneiras de contrair um vírus de computador – por meio de downloads de arquivos, anexos de e-mail, instalações de software comprometido ou links de golpes nas redes sociais. Dessa forma, você pode então espalhar o vírus compartilhando arquivos ou links infectados com outras pessoas. Além disso, se o seu PC faz parte de uma rede, apenas um usuário abrindo um arquivo comprometido em sua área de trabalho pode ser suficiente para derrubar toda a rede.

Embora tenha havido alguns vírus “bons” com efeitos úteis nas máquinas host, os vírus de computador são ruins por definição. Portanto, quando executados, eles podem enviar spam para seus e-mails e contatos de mídia social, corromper arquivos no disco rígido e tornar o PC lento. Além disso, os vírus podem roubar suas senhas e alterar seus dados de login para bloqueá-lo de seus e-mails e perfis de mídia social, contas de banco online ou até mesmo seu PC. Na pior das hipóteses, eles podem limpar todos os dados do seu disco rígido em apenas alguns segundos.

Que tipos de vírus de computador existem?

Existem bem mais de um milhão de vírus no mundo, com muitos mais sendo criados diariamente. Dessa forma, eles estão evoluindo muito rápido, então aqueles que antes eram considerados extremamente perigosos agora são tratados rotineiramente pelos melhores softwares de antivírus. Com base em sua gravidade e na maneira como podem afetar sua máquina, existem cerca de uma dúzia de tipos de vírus de computador. Portanto, aqui estão cinco tipos de você precisa conhecer:

1. Vírus de macro (Macro-vírus)

Vírus de computador: veja os principais tipos! - Foto: Reprodução/ Life Wire
Vírus de computador: veja os principais tipos! – Foto: Reprodução/ Life Wire

Talvez o tipo mais comum de vírus de computador, os vírus de macro anexam-se a arquivos criados em programas que suportam macros, sequências de comandos que podem ser executados com um simples toque de tecla. Dessa forma, esses vírus são mais comumente encontrados em documentos do Microsoft Word e planilhas do Excel.

Normalmente distribuído por meio de anexos de e-mail, os vírus de macro são ativados quando você abre o arquivo infectado. Portanto, se você fizer isso diretamente em seu cliente de e-mail, o vírus enviará a cópia exata do arquivo para todos os endereços de sua lista de contatos. Além disso, se você baixar o arquivo para o PC e abri-lo, o vírus de macro se espalhará para outros arquivos .docx e .xls na rede do PC e alterará seu conteúdo.

2. Infectores de arquivos

Vírus de computador: veja os principais tipos! - Foto: Reprodução/ TM
Vírus de computador: veja os principais tipos! – Foto: Reprodução/ TM

Enquanto os vírus de macro geralmente infectam os arquivos feitos no Microsoft Office, os infectadores de arquivos se anexam a arquivos executáveis ??com extensões .exe e .com. Dessa forma, ao abrir um arquivo infectado para iniciar um programa, você também executará o vírus sem saber. O vírus pode então invadir o programa e se espalhar para outros arquivos executáveis ??em seu disco rígido ou rede de computadores.

O principal objetivo dos infectadores de arquivos é comprometer arquivos e dados nas máquinas e redes dos usuários, criar botnets ponto a ponto e desabilitar o software de segurança nos PCs conectados. Além disso, alguns infectadores de arquivos irão reescrever todos os arquivos executáveis ??iniciados na inicialização, assumindo assim efetivamente o controle do PC. Também houve casos em que os vírus de macro reformataram completamente os discos rígidos infectados.

3. Sequestradores de navegador

Vírus de computador: veja os principais tipos! - Foto: Reprodução/ Avast
Vírus de computador: veja os principais tipos! – Foto: Reprodução/ Avast

Como o nome sugere, os sequestradores de navegador assumem o controle de certos recursos do seu navegador. Dessa forma, eles geralmente mudam sua página inicial para algum mecanismo de pesquisa falso e sobrescrevem as configurações para que você não possa alterá-las. Quando você digita um endereço e clica em Enter, o vírus o leva a um site completamente diferente e pede que você clique em um banner ou se inscreva para acessar o site que deseja ver.

Na maioria dos casos, os sequestradores de navegador têm como objetivo gerar receita para seus desenvolvedores, exibindo anúncios clicáveis ??no navegador. Além disso, eles geralmente vêm com softwares gratuitos e barras de ferramentas do navegador que oferecem recursos de pesquisa avançada. Felizmente, eles são facilmente detectados pela maioria dos programas antivírus.

4. Vírus de script da web

Vírus de computador: veja os principais tipos! – Foto: Reprodução/ Tudo Tecnologia

Os vírus de script da Web têm como alvo sites populares, geralmente de maneira muito sorrateira. Dessa forma, esses vírus substituem o código do site para inserir links e vídeos que instalarão software malicioso nos computadores dos usuários. Em muitos casos, os proprietários de sites nem sabem que estão hospedando conteúdo potencialmente prejudicial. Além disso, tudo que um hacker experiente precisa fazer para infectar uma página é escrever o código malicioso e postá-lo como um comentário.

Alguns vírus de script da web fazem pouco mais do que exibir anúncios textuais e visuais para gerar renda para seus criadores. No entanto, alguns podem roubar seus cookies e usar as informações para postar em seu nome no site infectado. Felizmente, a maioria dos programas antivírus irá alertá-lo quando visitar um site malicioso.

5. Vírus do setor de inicialização

Vírus de computador: veja os principais tipos! - Foto: Reprodução/ Kaspersky
Vírus de computador: veja os principais tipos! – Foto: Reprodução/ Kaspersky

Embora não sejam tão predominantes agora como antes, os vírus do setor de inicialização ainda podem aparecer de uma forma ou de outra. Na época em que os PCs eram inicializados a partir de disquetes, esses vírus eram muito comuns. Dessa forma, eles infectariam a partição do sistema do disco rígido e seriam iniciados na inicialização do computador.

Hoje em dia, esses vírus são distribuídos principalmente por meio de formas sobreviventes de mídia física – USB e discos rígidos externos. No entanto, eles não representam mais uma grande ameaça, pois a maioria dos sistemas operacionais tem salvaguardas que protegem o setor de inicialização do disco rígido de softwares maliciosos. Mesmo que eles infectem seus sistemas de alguma forma, a maioria dos programas antivírus pode remover vírus do setor de inicialização com facilidade.

Exemplos de vírus de computador

Vírus de computador: veja os principais tipos! – Foto: Reprodução/ TM

Alguns dos exemplos mais perigosos e / ou mais notórios de vírus de computador incluem o seguinte:

  • Melissa era um vírus de macro que se espalhou por meio de anexos de e-mail infectados e causou US$ 80 milhões em danos. Seu fundador, David L. Smith, cumpriu pena de 20 meses de prisão e foi proibido de acessar redes de computadores sem autorização;
  • Yankee Doodle era um infectador de arquivos não destrutivo de fabricação búlgara que começava a tocar a música “Yankee Doodle” em computadores infectados todos os dias às 17h;
  • O Shamoon é um vírus destrutivo que pode limpar todos os dados de uma rede de computadores em questão de segundos. Desenvolvido como arma na guerra cibernética contra o setor de energia saudita, foi isolado em 2014, apenas para retornar (como “Shamoon 2”) dois anos depois.
  • Klez era um vírus de macro que desabilitava o software antivírus no computador infectado e enviava spam para a caixa de entrada de e-mail da vítima para impedi-la de receber novas mensagens.

Como remover um vírus de computador?

Vírus de computador: veja os principais tipos! - Foto: Reprodução/ TM
Vírus de computador: veja os principais tipos! – Foto: Reprodução/ TM

Existem muitos programas, gratuitos e pagos, que prometem manter o seu PC protegido contra ameaças, mas somente os melhores softwares de antivírus o manterão protegido. Portanto, esses programas farão a varredura de seu sistema em busca de ameaças e o informarão sempre que detectarem uma. Além disso, dependendo da gravidade do vírus, eles colocarão o arquivo infectado em quarentena ou o removerão completamente para evitar que o vírus se multiplique.  

Alguns vírus são tão destrutivos que podem limpar todos os seus dados e inutilizar o disco rígido. Dessa forma, quando eles atacam, pode ser tarde demais para fazer qualquer coisa, por isso a prevenção é importante.

Com um software confiável instalado em seu PC, nenhum vírus será capaz de infectar seus documentos e arquivos. Portanto, para garantir a proteção ideal, certifique-se de usar sempre a versão mais recente do software e fazer download das atualizações de definição de vírus diariamente. Os melhores softwares de antivírus farão tudo isso automaticamente, permitindo que você navegue livremente sem se preocupar com vírus e outras ameaças à sua segurança online.  

Gostou? O que achou? Deixe seu comentário. Além disso, não se esqueça de entrar no nosso grupo do Telegram. Basta clicar em “Canal do Telegram” que está localizado no canto superior direito da página!